FILTROS COALESCENTES E ELEMENTOS


Possui eficiência de até 99,999% na retirada de partículas.

Utilizados para remoção de água, óleo e partículas do ar. Possuem vazões de até 62.000 m³/h. Os elementos coalescentes são utilizados para retirada de água, óleo e partículas do ar ou gases. Possui eficiência de até 99,999% na retirada de partículas. Os elementos com carvão ativado são utilizados na remoção de odores, utilizados para equipamentos de embalagem para alimentos, proteção de secadores, cabines de pinturas entre outros. Principais aplicações: Proteção dos sistemas de ar comprimido e gases, secadores, cabines de pintura, respiros entre outros.

APLICAÇÕES TÍPICAS


COALESCENTES
(remoção de água, óleo e partículas)
  • Proteção de Secadores
  • Cabines de Pintura
  • Respiros
  • Proteção de Equipamentos
  • Proteção de Cilindros
  • Proteção dos Sistemas de Ar Comprimido
INTERCEPTADOR
(remoção de partículas)
  • Pós-filtro de secadores dissecantes
  • Pré-filtros para filtros coalescentes
  • Sistemas com alta concentração de partículas
  • Proteção para Sistemas não lubrificados
ADSORVENTES
(remoção de vapores)
  • Remoção de odores
  • Respiração humana
  • Equipamentos de embalagens para alimentos
  • Gases de alta pureza de laboratórios

TABELA PARA SELEÇÃO DE ELEMENTOS


Localize sua aplicação na tabela abaixo. Estabeleça o grau do filtro, tipo de material e de vedação.

FILTROS DE 1/4'' A 1''

Modelos A B C D E F G H* Volume (ml) Peso
H 1S 181 79 14 20 73 39,5 58 76 150 0,680
H 15S 181 79 14 20 73 39,5 58 76 150 0,660
H 2S 181 79 14 20 73 39,5 58 76 150 0,650
H 1L 244 79 14 20 73 39,5 58 140 140 0,860
H 15L 244 79 14 20 73 39,5 58 140 140 0,850
H 2L 244 79 14 20 73 39,5 58 140 140 0,840
H 3S 273 118 25 20 93,5 44 58 165 270 1,610
H 4S 273 118 25 20 93,5 44 58 165 270 1,490
H 4L 362 118 25 20 93,5 44 58 254 270 1,860
Nota Especial: Dimensões em mm e Peso em Kg. * Espaço livre para retirar o copo

FILTROS DE 1 1/2'' A 3''

ModelosABCDEFGH*Volume
(ml)
Peso
H6S463150422114447583434405,430
H8S617150422114447584895306,350
H8L745150422114447586106207,250
HOL9142036121184605872488015,870
H12L9142036121184605872488015,480
OBS.: O Dreno Manual tem conexão de 1/8” FNPT quando a válvula “T” é removida

GRÁFICO PARA DETERMINAÇÃO DE VAZÃO (GRAU 6)


Para pressões diferentes de 100 PSI / 7bar

Instruções

01 Localize a pressão do sistema em PSI ou bar
02 Localize o fluxo do sistema em PCM ou m³/hora
03 Interligue por uma reta a pressão e vazão (ver ex.)
04 Encontre o filtro no prolongamento da reta
  OBS

Para graus diferentes de 6C, 6Q ou AU, primeiro multiplique a vazão pelos fatores:

2C - 1,83 10C - 0,6 3P - 0,6

SELEÇÃO / EQUAÇÃO PARA CORREÇÃO DE VAZÃO

Se o equipamento de filtração coalescente for dimensionado em 3 metros cúbicos por hora (m /h), selecione um filtro para uma aplicação específica baseando-se em vazão de ar e pressão do circuito ao invés da bitola da tubulação. Temos a vazão dada para a pressão de 7 bar (100 PSI), caso necessite calcular a vazão para pressões diferentes, utilizar a fórmula abaixo para ajustar a vazão na condição de operação. Somente após o ajuste usar normalmente os valores de catálogo 7 bar (100 PSI):

A capacidade real de um filtro coalescente pode ser elusiva já que a vazão excessiva de ar através de um elemento filtrante aumenta a queda de pressão e, ao aumentar a velocidade de vazão do ar, aumenta a possibilidade de contaminação por reentrada de contaminantes. Selecione um filtro suficientemente grande para assegurar a saída do ar do filtro em baixa velocidade para que não carregue líquido coalescido. Fatores econômicos são também importantes na seleção de filtros coalescentes. O processo de seleção requer um equilíbrio entre desempenho e economia, a vida útil dos filtros, que apresenta um grande impacto no custo de manutenção dos filtros coalescentes. 

Os filtros coalescentes são compostos por um conjunto de obstáculos projetados para maximizar o efeito dos três processos de coalescência. Os filtros coalescentes modernos utilizam meios filtrantes de porosidade graduada, com fibras de borosilicato mais densas no interior e fibras menos densas nas superfícies externa e interna. Variando a densidade das fibras no processo de fabricação dos filtros torna-se possível atender aplicações específicas. A superfície interna do elemento age como um pré-filtro removendo partículas contaminantes maiores, ao passo que os poros internos são suficientemente pequenos para remover partículas submicrônicas sólidas e aerosóis em suspensão encontradas no fluxo de ar. A densidade reduzida da superfície externa promove o aglutinamento das partículas em suspensão através da união das gotículas transformando-as em gotículas maiores, portanto suscetíveis às forças gravitacionais. Os poros externos maiores também permitem a passagem livre do fluxo de ar e minimizam a queda de pressão. Uma camada de drenagem conduz o contaminante da superfície externa do elemento filtrante para um reservatório localizado no fundo da carcaça, de onde é drenado periodicamente. Os poros externos maiores do elemento reduzem a turbulência do ar, evitando a reentrada do contaminante no fluxo de ar.

O coração do filtro coalescente é o projeto patenteado de seu elemento. Sua estrutura única combina alta performance a preços econômicos. O processo de formação à vácuo permite que as micro-fibras de borosilicato se amoldem uniformemente na forma do elemento. O resultado é um "tubo" sem costuras com um grande volume vazio entre as fibras, isto é, a distribuição das fibras maximiza o volume interno do elemento, este projeto permite baixa perda de carga e longa vida útil do elemento.

A eficiência de todos os filtros coalescentes é medida pelo percentual de contaminantes de um tamanho de partículas específicas capturadas pelo filtro. A eficiência do filtro é importante, pois afeta não somente o desempenho de retenção do contaminante como também a vida útil do filtro (maior eficiência requer maior capacidade de retenção de contaminantes).

Os valores nominais de eficiência de remoção de contaminantes variam de 90% a mais de 99,99%, oferecendo uma gama de capacidades apropriadas para as necessidades de diversas aplicações. Já que meios filtrantes mais eficientes apresentam menor vida útil, em alguns casos torna-se mais conveniente sacrificar um pouco da eficiência em favor da economia.

Em aplicações onde a alta eficiência e a vida útil longa são fundamentais, usa-se um pré-filtro para remover a maior quantidade de partículas sólidas antes que essas atinjam o filtro coalescente. Este procedimento pode aumentar em até seis vezes a vida útil do filtro coalescente. Para um maior desempenho, selecione um pré-filtro com valor nominal de 3µm.

Para maiores informações sobre filtros coalescentes, disponibilizamos aos nossos clientes materiais técnicos sobre nossos produtos. Entrar em contato através de nosso e-mail vendas@techfilter.com.br para solicitar!

 

ADVERTÊNCIA

Seleção inadequada, falha ou uso impróprio dos produtos e sistemas deste catálogo técnico ou itens relacionados podem provocar danos pessoais e/ou materiais, inclusive com riscos fatais. Este catálogo fornece opções de produtos e/ou sistemas de aplicações para usuários tecnicamente habilitados. É importante que seja analisado cada aspecto de aplicação, considerando consequências de qualquer falha e exatidão de todas as informações. Devido à variedade de aplicações e condições de operação para estes produtos, o usuário, através de sua própria análise e teste, é o único responsável pela seleção final das produtos, capaz de assegurar que todo o desempenho, segurança da aplicação e cuidados sejam atingidos.

CASES TECHFILTER FILTRO COALESCENTE


Conheça alguns trabalhos 
Cases, Cases: Filtração de Ar, Gás e Vapor, Filtros Coalescentes e Elementos
Cliente: PETROBRAS
Cases, Cases: Filtração de Ar, Gás e Vapor, Filtros Coalescentes e Elementos
Cliente: PETROBRAS
Cases, Cases: Filtração de Ar, Gás e Vapor, Filtros Coalescentes e Elementos
Cliente: TRANSPETRO
Cases, Cases: Filtração de Ar, Gás e Vapor, Filtros Coalescentes e Elementos
Cliente: TRANSPETRO